Tag Archives: jaca

Enfiou o pé na jaca? Saiba o que fazer pra reverter.

24 Aug

pé na jacaSe vc é como eu e como a maioria das pessoas que gosta de curtir o fim de semana com boa comida e boa comida, vc sabe que não tem nada pior do que aquela sensação que dá no domingo quando vc finalmente resolve ir pra cama dormir.

Além da inevitável dor na consciência, dá aquela sensação de inchaço horrível. Vc nem precisa fazer o teste pra saber que no dia seguinte suas roupas estarão justas e que provavelmente ganhou mais de 1 quilo na balança.

Eu já passei muito por isso e chegava a chorar de desespero. Me sentia um lixo e ficava com raiva de mim mesma por não ter tido auto-controle. Porém, depois de sofrer muito com isso, descobri algumas maneiras bem eficientes de amenizar os colaterais dessas comilanças.

Minha lista de ouro contra os efeitos da comilança é formada por 5 dicas simples, porém efetivas. Siga essas dicas por 1 ou 2 dias (dependendo do tamanho do estrago) e reverta os danos causados pela sua falta de controle.

Dica 1: Beba muita água e chá verde.
Carregue uma garrafinha com vc e beba água sem parar (uns 3 litros por dia).
Chá verde também vale, mas evite bebe-lo com o estômago vazio, pois pode dar ânsia de vômito.

Dica 2: Não coma industrializados.
Os industrializados são cheios de conservantes e sódio, que contribuem para a retenção hídrica.

Dica 3: Limão, gengibre, canela e mel
Meia hora antes das principais refeições do dia, beba um copo de água morna com 2 colheres de chá de canela, 2 colheres de chá de mel, 1/2 limão espremido e raspas de gengibre.
Essa mistura é termogênica e de quebra faz uma faxina no organismo.

Dica 4: Malhe!
Faça pelo menos 1 hora de exercício físico intenso, daqueles que vc sabe que te farão suar. Isso ajudará a evitar que tudo o que vc comeu no dia anterior se armazene em seu corpo em forma de gordura.
O melhor é que vc se exercite logo que acordar, pra garantir que usará a comida do dia anterior como combustível. Se vc malhar de tarde ou de noite, utilizará o que comeu no mesmo dia como combustível e corre o risco de queimar musculatura.

Dica 5: 5 refeições de valor calórico semelhante
Nesse dia vc terá que diminuir sua ingestão calórica ao máximo e dividir o número de calorias igualmente ao longo do dia evita que vc sinta fome em alguns momentos e coma mais do que realmente necessita em outros.
No meu caso que sou mulher e de estrutura pequena, aposto em um cardápio de 800-1.000 calorias no melhor estilo Spa: como muitos legumes, carne magra e sem nada industrializado.

E se mesmo com essas dicas vc ainda precisa de uma orientação um pouco mais detalhada, segue a minha sugestão de cardápio.

Mas atenção: esse cardápio foi montado pensando nas minhas necessidades (mulher de 50Kg na faixa dos 30 anos e que passa o dia sentada). Se vc é homem ou uma mulher grande ou se passa o dia se movimentando, adicione de 200 a 400 calorias extras.
A ideia aqui não é passar fome e sim consumir o mínimo que seu corpo precisa para que use a energia armazenada no dia anterior como combustível, evitando que tudo vire gordura na sua linda silhueta.

CARDÁPIO ANTI-JACA DE 800 CALORIAS

Ao acordar (30 minutos antes do café):

Agua morna com limão, canela, mel e gengibre

Café (pré-treino):

1 papaia OU 1 banana OU Suco verde (água de coco, couve, abacaxi e maça)
Café com leite (opcional)
Chá verde

Lanche (pós-treino):

1 scoop de proteína batido com água OU 5 claras de ovo com 1 fio de azeite (só pra não ficar muito sem graça)
Chá verde

(OBS: O whey pós-treino é o único industrializado permitido)

Almoço:

30 minutos antes: agua morna com limão, mel, canela e gengibre

Legumes cozido (2 xícaras de chá): brócolis, chuchu, abobrinha, cenoura e abóbora
1 filé de frango grelhado

Lanche da tarde:

1 iogurte grego 0% sem lactose
5 amêndoas
Chá verde

Jantar:

30 minutos antes: agua morna com limão, mel, canela e gengibre

Salada de folhas com 1 ovo cozido OU com 1/2 lata de atum light
1/2 colher de sopa de azeite de oliva extra virgem

Ceia:

1 maça com canela no forno OU 1/2 abacatinho batido com adoçante (daqueles pequenininhos)

Você é obcecado por dieta?

18 Aug

Se vc já teve aquela sensação de que só pensa em assuntos relacionados a dietas e exercícios, passa horas na internet pesquisando sobre o assunto, adora ver fotos dos “Antes e Depois” das pessoas que passaram por algum programa de emagrecimento, sente super culpado quando sai da dieta (inclusive sonha que está se acabando de comer e se sente aliviado quando acorda) e fica ansioso durante o dia calculando calorias e pensando em que exercício fará no dia seguinte…Parabéns! Vc é um obsessivo por dieta assim como eu.

Somos muitos nesse mundo. Alguns sofrem mais, outros menos, mas o lema “No Pain No Gain” parece estar na boca de todos. Eu que o diga! Atualmente, só consigo melhorar meu corpo com muito sofrimento e as vezes nem assim! 

Os obsessivos também tem em comum essa persistência. Eles podem até escorregar, mas sempre se levantam, afinal, a vontade de ser belo e magro (e nesse caso um é sinônimo do outro) é maior que qualquer deprê ou desanimo por ter ganhado uns quilos na balança. 

Ahhhhh a balança. Melhor amiga/inimiga dos “dieteiros”. Nenhum obsessivo que se preze consegue viver sem ela. Oh praga maldita! Vc sabe que tá inchada e vai lá se pesar, como se quisesse se punir. Óbvio que numa segundona, depois daquele final de semana matador, seu peso vai estar lá em cima. Óbvio! É matemática pura e não tem como ser diferente. Mas vc vai lá e se pesa, só pra confirmar o que vc já sabe: que vc poderia ter mais força de vontade e que vai ter que começar uma nova dieta.

Outra coisa engraçada dos obsessivos compulsivos por dieta e boa forma é que quando eles chegam no ponto que querem, mudam os objetivos rapidinho, porque a parada é querer o impossível e morrer tentando. 

No meu caso, quando eu chego no peso que eu quero, fico achando que a balança tá errada. Ou então fico tão contente que relaxo da dieta e engordo tudo rapidinho. Manter parece ser a coisa mais difícil do mundo. Praticamente uma missão impossível.

Mas o cúmulo da obsessão é vc deixar de fazer algum programa com os amigos ou mesmo familiar pra poder seguir a dieta sem possibilidades de qualquer deslize. Eu, por exemplo, já recusei diversos programas por causa disso. Quando faço dieta low carb fico até nervosa quando meu marido sugere de ir a um restaurante italiano ou quando tenho algum evento da empresa onde a única coisa que tem pra comer são salgadinhos, salada de frutas e bolos cheios de recheio. 

Uma vez fui a um evento noturno representando minha empresa e quase morri de desespero porque estava de dieta (como sempre!) e não tinha nada pra comer, NADINHA, que a dieta permitisse. Sabe o que aconteceu? Depois de colocar o primeiro salgadinho na boca (era isso ou desmaiar) eu fiquei tão frustrada por ter estragado minha dieta que mandei tudo pra pqp e me enfartei de tanto comer.

Esse caso me fez lembrar da última e principal característica dos obsessivos compulsivos e alucinados por dieta: ou é tudo ou é nada! 

Um dieteiro de carteirinha não suporta o fato de “sujar” sua dieta. Se cometeu um deslize, acha melhor jogar tudo pro alto e comer até dizer chega, afinal, no dia seguinte pode começar uma dieta ainda mais radical que a anterior. O problema é quando isso acontece toda a semana e o peso perdido nunca compensa as jacadas. O peso começa a subir, subir, subir…. Eu tô nessa fase agora, mas já tomei minhas providências pra voltar aos trilhos. Uma dieteira de carteirinha como eu sempre tem um plano infalível pra contornar os momentos de crise!

Se vc se identificou com esse post, pelo menos dá um like, comenta, compartilha. Meu blog tá bombando de acessos, mas ninguém comenta nada. Quem sabe não juntamos os dieteiros de plantão e fazemos um desafio da dieta. Quem emagrecer mais ganha alguma coisa bacana, tipo uma caixa de chocolate! SQN!!! Kkkkkk
Bj, boa semana e boa dieta para todos!!!!